Olá Nutri
 

Agora que terminaste a tua licenciatura em Nutrição tens ao teu dispor um amplo leque de locais onde podes exercer a tua profissão, desde escolas a hospitais, passando por clubes desportivos ou empresas agroalimentares.

 
Sabemos como o mercado de trabalho está saturado hoje em dia mas a importância cada vez maior que atualmente se atribui à qualidade de vida (da qual os bons hábitos alimentares são naturalmente parte integrante) faz com que esta área seja uma das mais interessantes em termos de saídas profissionais.
 
Qualquer um dos locais mencionados é uma ótima rampa de lançamento para iniciar uma carreira como nutricionista e na realidade é por aí que a maior parte dos profissionais da área começam.

Mas já pensaste que o Nutricoaching pode ser não só uma alternativa bastante válida como também o diferencial que vai levar a tua vida profissional ao próximo nível?
 

Nutricoaching? Que bicho é esse?

 
Como o próprio nome indica, o Nutricoaching é uma variante do Coaching voltada para a Nutrição, ou seja, o Nutricoach é uma espécie de mentor que ajuda os clientes a ter uma maior qualidade de vida através da perda de peso ou de uma reeducação alimentar.
 
A esta hora deves estar a perguntar: porque me deverei tornar nutricoach se posso obter os mesmos resultados com uma consulta de Nutrição?
 
A diferença é que esta última se centra na vertente clínica, ao passo que o Coaching trabalha sobretudo a mente, as motivações internas do cliente.
 
Enquanto Nutricionista, a tua função é diagnosticar a situação clínica do teu paciente e criar um plano alimentar adequado a essa situação.
 
Por outro lado, o Nutricoaching está voltado para a transformação do comportamento alimentar, removendo bloqueios e crenças limitantes que impedem essa mudança.
 
É um processo mais demorado mas que a longo prazo poderá produzir resultados mais consistentes.
 
É importante notar que ao te tornares Nutricoach não vais resolver apenas os problemas nutricionais do teu cliente.
 
Vais também orientá-lo, pois o Coaching é um método de desenvolvimento pessoal cujo pressuposto é o de que a mudança desejada terá de resultar de uma alteração interna do cliente e não de uma imposição externa.
 

Como me posso tornar Nutricoach?

 
Para te tornares nutricoach deverás antes de mais frequentar uma formação especializada de Coaching durante a qual aprenderás a usar ferramentas como a “Roda da Vida”, que avalia a satisfação com a mesma em diversas áreas ou a “Definição de Metas“, essencial para gerir o tempo da melhor forma.
 
Tens também de procurar melhorar continuamente os teus conhecimentos e ser uma pessoa altamente motivada, uma das principais características de um bom Coach.
 
Em termos de personalidade, certifica-te de que és uma pessoa equilibrada, consciente dos teus pontos fortes e fracos e acima de tudo humilde, pois como já dissemos o teu único papel é o de orientar o cliente para a mudança desejada, o que significa que em última análise o mérito do sucesso será do próprio cliente.

Em conclusão

 
Ser Nutricoach é muito mais do que apenas aplicar um conjunto de ferramentas pré-formatadas.
 
É ser um guia, um mentor, um contributo para a mudança.
 
Mais do que uma carreira extremamente gratificante, é uma missão que pode transformar radicalmente a tua vida.
 
Porque esperas para dar o primeiro passo?
Pergunta-nos como te podes tornar um Nutricoach!!
 
Até Breve
Joana Carvalho Costa